segunda-feira, 13 de maio de 2013

Meu amor, meu bem, meu querido - Deb Caletti

Autora: Deb Caletti
Editora: Novo Conceito
Número de páginas: 240
ISBN: 9788581631585 
Sinopse: É verão no nordeste da cidade de Nine Mile Falls e Ruby McQueen, de 16 anos, comumente conhecida como A Garota Calada, está saindo com o maravilhoso, rico e louco por emoções Travis Becker. No entanto, Ruby está num beco sem saída e percebe que se arrisca cada vez mais quando está com Travis. Em um esforço para manter Ruby ocupada, sua mãe, Ann, a arrasta para o clube de leitura semanal que ela comanda. Quando descobrem que uma das criadoras do clube é a protagonista de uma trágica história de amor que estão lendo, Ann e Ruby planejam um encontro dos amantes de longa data. Contudo, para Ruby essa missão acaba sendo muito mais do que apenas uma viagem...


Antes de maiores opiniões, preciso dizer que não é um livro ruim. Mas eu simplesmente não gostei dele principalmente pelo fato de a protagonista ser muito boba (perdoem-me a expressão). Ruby tem 16 anos e é, em outras palavras, antissocial. É aquela menina quietinha, que fica na dela, não tem muitos amigos mas também não se esforça para mudar a situação em que vive. Até que um dia está indo para casa e encontra o garoto popular de sua cidade e acaba recebendo um pouco de atenção dele. Qual é a dúvida que ela cai de amores? E qual a dúvida de que o cara é um bad boy? Nem preciso dizer que o resultado não é nada bom.
Ao ler a sinopse, tinha me interessado muito pelo livro ao saber que a protagonista entraria em um clube do livro e perceber que uma das integrantes do grupo na verdade era a inspiração para o livro que estavam lendo. Enquanto lia, esperava ansiosamente pela parte em que esse acontecimento chegaria - o que já era praticamente metade do livro! E isso me fez perceber como a primeira metade foi desnecessária para contar a parte que viria a seguir. Resumidamente: uma enrolação danada.
Quando o clube do livro "entra em ação" o livro deu uma boa guinada e melhorou bastante ao meu ver, apesar de eu ainda sentir a trama desconexa. Ainda assim, apreciei bem mais a leitura dessa segunda parte, e consegui me identificar mais e gostar mais dos personagens velhinhos que embarcam nessa história. 
Um fato muito negativo foi que a escrita da autora não me agradou - algo difícil de acontecer. Mas eu tive a impressão de que ela simplesmente jogou várias palavras em uma folha de papel e tentou criar um sentido com aquelas que ali grudaram, e o resultado disso não me agradou.
É claro que tiveram partes que gostei da mensagem que foi passada, mas no geral, não é um livro que eu leria de novo.

Avaliação: 2/5

Beijo,
Nic Kloss.

10 comentários:

  1. Parabéns pela resenha! Estou ansiosa para ler Meu Amor, Meu Bem, Meu Querido e espero não me decepcionar. Abraço!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Nic!

    Ótima resenha. Gostei da sua sinceridade e dos pontos positivos e negativos que encontrou durante a leitura.

    Beijos

    http://poesiasprosasealgomais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Eu já li outro livro da autora e gostei da escrita dela mas, sério que a protagonista não é legal? Isso pra mim estraga o livro D:

    Beijos, Bi
    http://behindenemyline8.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Já ouvi elogios desse livro, tenho vontade de ler.

    marinaalessandra.blogspot.com
    @mariinaale
    @maioordeidade

    ResponderExcluir
  5. O livro é muito bom, o que parecia ser só mais uma historia adolescente, com uma calada se apaixonando pelo popular, vai muito mais além e nos consegue ir além, com a historia de amor de dois velhinhos. Além do aprendizado pelo qual Ruby teve que passar, de tanto julgar a mãe pelo comportamento que tinha com o pai, acaba fazendo o mesmo com o namorado. Todos os personagens tem algo para nos revelar, e amei Chip Jr.

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Esse livro tem dividido opiniões, tenho visto umas resenhas que comentam o quanto é insatisfatório e outras sobre o quanto de mensagens intensas tem. Tenho o livro em casa e pretendo ler em breve, espero gostar mais que você e, sinceramente, que a protagonista não me irrite.

    beijos

    ResponderExcluir
  7. Nossa, nota 2? Você não gostou nem um pouco da história. Não entendo a cabeça desses autores que criam personagens chatos que ao invés de nos cativar nos irritam.
    Já vi vários comentários positivos sobre ele o seu é o primeiro com críticas não tão boas. Tenho ele em casa e acredito que não demorarei a ler. Espero curtir bem mais a leitura do que você. Apesar de não ter gostando muito do outro livro dessa autora.

    Beijos
    caline

    ResponderExcluir
  8. Aii...estou lendo esse livro. E até o momento ele não me conquistou em nadaaaaaaaaaa! Estou agoniada. Será que vou mega me decepcionar como você? SOCORRO! kkkk Tomara que ele me conquiste até pelo menos a metade.
    Beijos!
    Paloma Viricio- Jornalismo na Alma.

    ResponderExcluir
  9. Eu não consegui nem ir pro 3º capítulo desse livro. Muito chatoooooooooooo, eu não sei como alguém conseguiu ler ele todo, meus parabéns kkk
    Eu tava tão animada, porque a sinopse me encantou, e a capa do livro tbm, mais o conteúdo = zero.
    Beijos
    http://souseuastral.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Realmente não gostei desse livro, e achei uma tremenda enrolação. Sinceramente, ou você faz um livro sobre uma garota que quer se livrar de um bad boy, ou um livro sobre um clube de leitura em que uma das participantes é protagonista de um enredo.

    @mmundodetinta
    maravilhosomundodetinta.blogpsot.com.br

    ResponderExcluir